Encontros Xamânicos na Pandemia

Observando esse momento que estamos vivendo, vemos muitos bares lotados, praias lotadas, muitas aglomerações de pessoas sem o devido cuidado. Como você se sente nessa situação?Não precisa responder, apenas reflita!
Os pastores e padres, pais de santo, sacerdotes, mestres iludidos, padrinhos, txais, hauxhaux e por aí vai, repudiam a situação acima, mas colocam pessoas no mesmo cenário em nome de Deus, da fé, grande espírito, da madre ayahuasca, de terapias, do autoconhecimento, drogas com nome de santo, etc.
Veja como as situações parecem diferentes, mas a única diferença neste cenário é a sua mente fazendo você acreditar que sua causa é espiritual e com isso alivia sua parcela de responsabilidade ou irresponsabilidade com a humanidade. Onde está seu discernimento?
Unir ciência com espiritualidade é o mínimo que uma mente espiritualizada deve fazer; o contrário disso é fanatismo ou crendice.
Você que tem um espaço, seja ele igreja, templo, terreiro, entre outros, veja como suas atitudes podem e irão ecoar por uma grande teia!
Primeiramente, você precisa de pessoas para auxiliar nesse trabalho e normalmente são irmãos que fazem de coração aberto. Esses irmãos normalmente têm famílias, às vezes deixam os filhos com os avós para poder trabalhar na Obra (que é meu caso inclusive rsrs). Então, queridos, o mínimo que temos que proporcionar para esses trabalhadores é segurança e proteção no momento que vivemos, afinal são irmãos que confiam em você e em sua Obra.
Depois vêm os irmãos que participam dos trabalhados e, da mesma forma, estes têm famílias, filhos, empregos, amigos no emprego, e as famílias dos amigos no emprego, os quais tem outros amigos e amigos dos amigos e famílias e assim essa teia se amplia imensa e infindavelmente. Por isso, perceba até onde vai sua responsabilidade com a segurança do seu trabalho, culto, terapia, gira etc.
Digo novamente, unir ciência com espiritualidade lhe trará clareza dos fatos.
Haverá pessoas que irão ler esse textão e dirão: “mesmo todos usando máscara nas 5 horas de Ritual, com distanciamento entre as cadeiras, mesmo com os auxiliares usando luvas e a cada atendimento fazendo a troca, higienizando os banheiros a cada uso, mesmo preenchendo as fichas de anamnese de forma online, mesmo com tudo isto vocês não estão livres.” Minha resposta é: “não estamos!”
A diferença é que vamos dormir com a consciência tranquila, porque fizemos 300% acima das recomendações de segurança dos órgãos competentes. Em respeito a minha família, aos trabalhadores da casa e aos irmãos que aqui frequentam nós fizemos além do recomendado.
Nossa escola Céu Nossa Senhora da Conceição nos ensinou que cada pessoa que entra em nossa casa é nossa responsabilidade.